NEWS!

Conheça O Drone-pássaro Que Imita Um Açor

Conheça O Drone-pássaro Que Imita Um Açor

Uma equipe suíça apresentou um drone que voava quase como um pássaro, alterando o formato de suas asas para cada situação de voo. Isso ocorreu pela primeira vez em 2016, mas agora conseguiram melhorar o trabalho, e não se trata mais de um pássaro-robô qualquer, mas de uma ave de rapina parecida chamada de açor e parecida com o falcão, conhecida por um voo ágil e muito veloz, e símbolo dos Açores.

A equipe estudou o formato das asas e da cauda do pássaro açor e seu completo comportamento de voo, além de usar as informações para dar um upgrade no projeto anterior e trazer o novo projeto ao público.

Os açores movem suas asas e caudas em conjunto para realizar o movimento desejado, seja para suas rápidas mudanças de direção quando está caçando em florestas, seja para ajustá-las quando está voando velozmente ao perseguir presas em terreno aberto ou planando de forma eficiente para economizar energia. As “penas” desenvolvidas para o primeiro projeto foram cruciais para se obter o efeito desejado, impossível de se obter com asas fixas ou mesmo parcialmente móveis.

O Professor Enrico Ajanic, da Escola Politécnica Federal de Lausanne., destaca:

Foi bastante complicado projetar e construir esses mecanismos, mas fomos capazes de melhorar as asas para que elas se comportassem mais como a de um açor. Agora que o drone inclui uma cauda emplumada que se transforma em sinergia com a asa, ele oferece uma agilidade incomparável.

drone açor imagem - Conheça O Drone-pássaro Que Imita Um Açor
drone açor - Conheça O Drone-pássaro Que Imita Um Açor

Mas qual a diferença do drone com asas e do drone com hélices?

O drone muda a forma de sua asa e de sua cauda para alterar sua direção mais rápido, voar mais devagar sem cair e reduzir a resistência do ar durante seu voo mais veloz. Além de tudo isso, os drones padrões normalmente usam uma hélice para propulsão, em vez de bater as asas, porque é bem eficiente. Entretanto, o novo conceito de asa e cauda móveis pode ser aplicável a outros aviões e drones voadores.

A vantagem dos drones com asas em relação aos designs tradicionais de múltiplos rotores é que eles têm um tempo de voo mais longo para o mesmo peso. No entanto, os quadrirrotores, por exemplo, tendem a ter maior destreza, podem pairar no lugar e fazer curvas mais fechadas.

Segundo o Professor Dario Floreano,

O drone que acabamos de desenvolver está em algum lugar no meio. Ele pode voar por muito tempo, mas é quase tão ágil quanto os quadrirrotores, Essa combinação de recursos é especialmente útil para voar em florestas ou em cidades, entre edifícios.

Agora, a equipe planeja incorporar inteligência artificial ao sistema de voo do drone, para que o dispositivo possa voar de forma semi-automática, já que controlá-lo não é uma tarefa exige muito treinamento e não pode ser destinada a qualquer pessoa. Vamos aguardar a evolução!

______________________________________________________________________________

Fonte: Inovação Tecnológica e Artigo: Bioinspired wing and tail morphing extends drone flight capabilities. Revista: Science Robotics. Vol.: 5, Issue 47, eabc2897. DOI: 10.1126/scirobotics.abc2897.

Se você gostou, não deixe de participar através de sugestões, críticas e/ou dúvidas. Aproveitem para assinar o Blog, curtir a Página no Facebook, interagir no Grupo do Facebook, além de acompanhar publicações e ficar por dentro do Projeto Universo NERD, de sorteios, concursos e demais promoções.

Tags:
Reinaldo Vargas

Professor, Streamer, Parceiro do Facebook Gaming e ArenaXbox.com.br, Idealizador do UniversoNERD.Net e Xbox Ambassador.

Postar um comentário