NEWS!

He-Man da Netflix Decepciona?

He-Man da Netflix Decepciona?

Fala, galera! No artigo de hoje, irei abordar sobre o que de melhor aconteceu e as polêmicas da nova animação He-Man e os Mestres do Universo: Salvando Eternia, que se encontra em exibição na Netflix e, para aqueles que quiserem saber mais sobre esse famoso herói da década de 1980 e que ficou conhecido mundialmente após dar suporte à uma linha de brinquedos lançada pela empresa Mattel, confiram o meu texto anterior. A partir do próximo parágrafo haverá spoilers!

Com poucos minutos após o começo do primeiro episódio, começamos quase como uma continuação da série original, chega a ser uma boa jogada do diretor Kevin Smith para faz os velhos fãs se sentirem em casa. Pacato está com medo de fogos de artifício, Gorpo faz fazendo travessuras, Teela é elogiada pela Rainha e pelo seu pai Mentor, e o “protagonista” (logo explico o porquê das aspas) Adam está atrasado para a cerimônia que homenageará sua amiga.

A grande mudança nesse primeiro momento é que Teela vai ganhar o título de Mentora, mas um ataque de Esqueleto ao Castelo Grayskull coloca a Feiticeira em perigo. As tropas de Eternia vão em sua defesa, Adam disfarça, sai de vista e se transforma em He-Man.

adam kGDCHSY 1024x538 - He-Man da Netflix Decepciona?
Adam

Durante a briga entre He-Man e Esqueleto, o campeão de Eternia utiliza a espada que é a chave para os maiores segredos do Castelo, agora sob domínio do Esqueleto. Ele então destrói um orbe que contém toda a magia usada para criar Eternia e o resto do Universo.

3D489973 4DFA 4E41 8467 0D111CE0FDDD - He-Man da Netflix Decepciona?
Esqueleto vs He-Man

A Feiticeira congela o tempo enquanto tentam achar a solução. He-Man sugere invocar os Poderes de Grayskull segurando a Espada do Poder, a Feiticeira diz que isso pode funcionar, mas ele irá morrer.

He-Man absorve as energias do Orbe, a Espada do Poder se separa em duas (isso remonta aos quadrinhos originais, antes mesmo da mitologia atual da primeira série ser escrita).

Revertido à forma de Príncipe, Adam e sobre o olhar de surpresa de Teela (algo que eu sempre quis saber como seria sua reação ao saber sobre a verdade identidade do herói já que ela sempre o tratava com indiferença), He-Man fica vulnerável. Esqueleto segura uma das metades da Espada do Poder, uma explosão ocorre e ambos são desintegrados.

Em seguida, Mentor então retorna ao palácio onde o Rei Randor fica FURIOSO quando Mentor conta que Adam e He-Man eram a mesma pessoa. Ele culpa Mentor por não ter cuidado de seu filho, ele é banido do reino, e sob pena de morte nunca mais pode criar armas ou tecnologia. Teela por sua vez não aceita que o príncipe Adam não tenha contado a ela o seu segredo, mesmo tendo lutado juntos tantas vezes. E ela estende a traição para Gorpo, Pacato e o seu pai mentor. Teela pede as contas e deixa o seu posto no palácio.

A partir daí a trama passa a ser mais focada em Teela que precisa salvar o universo durante a ausência do herói, e forjar novamente a espada do poder e assim restabelecer a magia em Eternia, para isso ela contará com a ajuda do seu pai adotivo, Gorpo, maligna e homem fera para irem até o submundo de Etérnia e Preternia, onde as partes da espada se encontram.

he man mestres do universo 1024x460 - He-Man da Netflix Decepciona?
Teela e Cia

Mais é importante ressaltar que He-Man volta no episódio 5, pois o príncipe Adam estava em Preternia, uma espécie de vida após a morte (limbo) para os heróis de Eternia. Adam decide seguir seus amigos de volta ao Castelo Greyskull e reconstroem a Espada de Poder para retornar a magia para Greyskull. Porém, Esqueleto também surge e esfaqueia Adam nas costas o deixando bastante ferido antes mesmo que ele possa se tornar em He-Man novamente. Então, o Esqueleto pega a Espada do Poder e se torna Skeletor-God, um Mestre do Universo, maligna e o homem fera voltam a se aliar ao vilão novamente. Ficando aí o gancho para a segunda parte dessa história.

Abaixo vou deixar o trailer da animação para aqueles que ainda não tiveram oportunidade de conhecer.

Agora, falando em polêmicas, muitos fãs e criadores de contéudo estão reclamando do fato da Teela ter sido usada como protagonista nessa primeira temporada e fato do He-man aparecer somente em flashbacks, na minha opinião e como fã antigo, não vi problema nenhum, pois acredito que tudo possa mudar mais para frente. Entretanto, Teela é uma peça chave em toda trama desde da década de 1980.

Questionado sobre o assunto, o diretor Kevin Smith, falou que o projeto original não era centrado em He-Man o tempo inteiro.

Quem fala que não viu He-Man o suficiente, não entendeu a série original. Haviam episódios em que ele perdia a espada e nunca se tornava He-Man. Não era como se He-Man sempre salvasse o dia. Seus amigos o ajudavam.

E ainda disparou, de maneira irritada:

Você realmente acha que a Mattel Television, que me contratou e me pagou, quer uma p** de um ‘Mestres do Universo’ sem He-Man? Cresça.

Resumindo: Gostei bastante da animação, pois é bom ver um símbolo da minha infância após 40 anos no limbo de volta à mídia. São poucos episódios e não considero uma temporada, de tão curta, mais fiquei empolgado com o que vi, pois me trouxe momentos de nostalgia e espero que a continuação seja ainda melhor.

Abraços a todos e até a próxima!

______________________________________________________________________________

Se você gostou, não deixe de participar através de sugestões, críticas e/ou dúvidas. Aproveitem para assinar o Blog, curtir a Página no Facebook, interagir no Grupo do Facebook, além de acompanhar publicações e ficar por dentro do Projeto Universo NERD, de sorteios, concursos e demais promoções.

Tags:
Miguel Gonçalves

É Autor do UniversoNERD.Net. Analista de Rede e gamer veterano nas horas vagas. Um apaixonado por games e por viver de maneira tranquila.

Postar um comentário